top of page

O que é DRT e como conseguir o seu?

Você já ouviu falar em DRT, mas não tem certeza do que é ou como obtê-lo? Nesse artigo a gente te explica tim tim por tim tim o que é DRT, como conseguir o seu e qual é a importância desse registro no mundo do teatro.


Imagem gerada com inteligência artificial para representar o que é DRT. Na imagem, três pessoas estão no centro e aparecem de costas, olhando em direção a uma forte luz onde aparece o documento de DRT com a foto e o nome tampados com uma tarja e escrito "sua foto aqui" e "seu nome aqui". No fundo, várias cadeiras e holofotes simulam um espaço teatral.

O que é DRT?

DRT é a sigla para Documento de Registro de Trabalho, um documento essencial para atores e outros profissionais das artes cênicas. Ele é emitido pela Delegacia Regional do Trabalho e tem como finalidade principal regularizar a atividade profissional desses artistas. O DRT funciona como uma espécie de registro oficial que comprova que o indivíduo está habilitado para trabalhar como ator.


Para que serve o DRT?

O DRT é um documento fundamental para garantir os direitos e a legalidade da profissão de ator. Algumas das principais finalidades do DRT incluem:

  1. Acesso a oportunidades de trabalho: Muitos produtores, diretores e editais exigem que os atores tenham o DRT para participar de produções teatrais, filmes, novelas e comerciais. Ter o documento abre portas para uma variedade de oportunidades de atuação.

  2. Proteção dos direitos trabalhistas: O DRT garante que os atores sejam contratados de acordo com as leis trabalhistas, recebendo salários justos e tendo acesso a benefícios como seguro-desemprego.

  3. Reconhecimento da profissão: O DRT também contribui para o reconhecimento da profissão de ator como uma atividade profissional legítima e importante para a cultura e o entretenimento.


Infográfico com fundo preto e escrito em turquesa. Título em destaque "Os benefícios do DRT para o ator". Abaixo, três seções são destacadas. A primeira traz um ícone com pipoca e símbolos relacionados ao cinema, e o texto: "OPORTUNIDADES DE TRABALHO: muitas produções teatrais, editais, filmes e comerciais têm o DRT como requisito obrigatório". A seção seguinte tem como ícone uma mão segurando uma chave de fenda, e traz o texto "PROTEÇÃO DOS DIREITOS: registros oficiais são garantias de direitos trabalhistas, como salários justos e seguro-desemprego.". A última seção traz um ícone que representa o palco de um teatro, com o texto: "RECONHECIMENTO NA PROFISSÃO: o DRT contribui para o reconhecimento da atuação enquanto uma profissão essencial para a cultura." Por fim, no canto inferior direito está o logo do Espaço do Ator.


Quais profissões têm DRT?

Além dos atores, outras profissões relacionadas às artes cênicas também podem exigir o DRT, como diretores de cena, coreógrafos, cenógrafos e figurinistas. Dançarinos, cantores e jornalistas muitas vezes também precisam desse tipo de registro. É importante verificar os requisitos específicos para cada área, pois eles podem variar de acordo com a região e as regulamentações locais.


Como tirar o DRT?

Agora que você já sabe o que é DRT, é hora de entender como emiti-lo. O processo pode variar de acordo com a região e o perfil profissional.

Se você fez uma graduação em teatro ou em alguma área correlata, é só levar seu diploma e outros documentos oficiais para a Delegacia Regional do Trabalho mais próxima. É interessante entrar em contato ou procurar saber quais são os documentos necessários, já que muitas vezes é necessário levar fotos ou cópias de documentos oficiais.

Para quem não é formado na área, o processo normalmente envolve as seguintes etapas:

  1. Comprovação de atuação na área: Para obter o DRT de ator, é necessário ter formação profissional na área de artes cênicas, o que pode incluir cursos de teatro, cinema ou televisão. O nosso curso de Formação de Atores, por exemplo, dá um certificado com direito a emissão de DRT temporário. Nesse caso, para conseguir o DRT permanente, é necessário apenas a comprovação do exercício de atuação em mais dois espetáculos durante o ano seguinte à formação.

  2. Documentação necessária: Você precisará reunir documentos como cópias do RG, CPF, comprovante de residência e certificados de cursos de formação. Essa documentação varia bastante dependendo do estado. Aqui no Rio Grande do Sul, a SatedRS é a responsável pela emissão desse documento e pede comprovantes de trabalho oficiais, como folders, recortes de jornais, etc., não sendo aceito, por exemplo, materiais audiovisuais como fotos e vídeos.

  3. Aprovação e emissão: Após a análise dos documentos e a aprovação do pedido, o DRT será emitido, e você estará oficialmente registrado como um ator profissional.

Para quem é do Rio Grande do Sul, o processo de avaliação da documentação costuma demorar em torno de 15 dias, de acordo com informações da própria Sated. Além disso, outra informação relevante para quem é daqui é que os critérios de pontuação dependem 50% de cursos e oficinas (com apresentação de certificado) e 50% de prática comprovada na área.


Conclusão

Em resumo, o DRT é um documento crucial para atores e outros profissionais das artes cênicas, pois garante direitos trabalhistas e oportunidades de trabalho. Se você deseja seguir uma carreira de ator, certifique-se de entender o processo de obtenção do DRT em sua região e comece a trilhar o caminho para o sucesso na atuação.

Caso você esteja em Porto Alegre, entre em contato para conhecer o nosso curso de Formação de Atores! Em dois anos de curso você consegue ter acesso a um DRT temporário e, daí para o permanente, é uma questão de tempo.

コメント


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
bottom of page